quinta-feira, 23 de março de 2017

as polputas mentes x o sensu comum empírico

as polputas mentes x o senso comum empírico

1. E o Brazilzão, mais uma vez manchete internacional, um enorme balaio sem fundo da corrupção sistêmica, gente abocanhando na cara dura o erário de todos com fome de mil dragões, tudo que politico bota a mão vira cinzas, um acinte à nação brasileira e ao seu povo pacato e hospitaleiro,  e a carne tudo indica apodreceu...

2. Espero que o chocolate da páscoa não esteja bichado, rsss, pois a cerveja em Sampa encontra-se também comprometida, ah, ah, ah, será? A endemia não é de hoje, data das naus de Pedro Álvarez Cabral, e fez escola neste pais continente, agora se aprimorou na era on line da alta definição nióbico quântica, a que tudo indica, é a pontinha do fio do novelo,, valha-nos Deus que desgraçados estamos!

3. Uma turma que se utiliza do voto soberano para para si, os seus e partido, com o próposito escuso de amealhar a torto e a direito as verbas publicas. E o bem comum só existe na prosa e verso cantado dos poetas do povo, esparsos pelas ruas, planícies, serras, cidades, vilas e mar, só existe no coração de + de 207 milhões de brasileiros, reféns de uma classe que não representa mais seus anseios de mundo bom.

4. O mais a dissertação monetária é que importa, no entanto a comporta da paciência coletiva está, infelizmente a um passo da emblemática comoção social. Nem direita, nem esquerda vão resolver a situação. Eles, todos eles já tiveram seu tempo e malbarataram a democracia nacional. 
> O poder pelo poder cega, aniquila, e serve aos interesses de gente sem escrúpulos. Foi assim ao longo da história, e o Brasil não foge a regra. E para que, pois ninguém que eu saiba fica para a semente, e no fim da jornada humana, breve ou longa, a todos espera o tribunal inafiançável de Deus.
> 'Na essência, ensina o santo de Hipona, todos somos iguais, e para que o bem comum prevaleça e agracie a todos com sustentabilidade perene, carece do exercício pleno da cidadania, e o respeito às diferenças é o pilar da democracia. Cda um com seu talento e coletivamente somos todos nós. 
> Vamos aplicar a terceirização aos cargos polìticos, sem direitos à aposentadorias, planos de saúde e as benesses absurdas em voga. que tal gente sensata?

5. A única saída viável é o senso comum empírico, que está, graças a Deus entranhado na veia do povo brasileiro. o País está aí a espera dele, almeja um novo tudo, e que as 'polputas' mentes deletérias vão para o diabo que as carregue! O povo brasileiro precisa ser feliz, e o será um dia...

Chaia Alvim Helder
Postar um comentário