terça-feira, 27 de maio de 2014

equalização da brasilidade

equalização da brasilidade

1. Gente sensata, na exata equalização da brasilidade 'tamo aqui travéis', o que importa nesta vida fugaz seria arruar o pasto extenso in natura artis, extirpar as ervas daninhas nas urnas soberanas no próximo pleito, e de peito aberto semear, semear ações corretas em todas as direções e a mancheia focar o solo fértil do bem comum maior inerente a 207 milhões de irmãos nossos.Todos os brasileiros sem distinção de raça, credo, cor e região de origem!
2. Palavras, palavras, como se torna fácil e prazeroso dize-las, como difícil são revolve-las em camadas obsequiosas de pequenas atitudes que somadas à voz das ruas soberanas fariam sim a diferença
salutar, concretizariam  o desenvolvimento sustentável.
3. Celebrariam a abastança geral, e um solene jus ao que o Brasil Continente sonhou in fieri com José de Anchieta, santo e cidadão em tudo e por tudo consoante com esta terra de todas as possibilidades, sons, diversidades e fé na Santíssima Trindade, na Santa  Virgem de Aparecida,  terra de Frei S'Antana Galvão, também santo clarividente deste planalto que acolheu a gente.
4. Não é possível abrir mão do seu destino glorioso, de sua grandeza pátria, de sua reserva de generosidade, calor humano,  solidariedade e hospitalidade, não! Falta muito para ele chegar lá, e falta pouco se Deus encurtar estes dias tristes e peçonhentos de troca de favores imediatos...
5. Amanhecerá em seu terreirão de Jorge Guerreiro e São Sebastião um dia de luz harmoniosa e democrática, que perdurará o tempo suficiente para a realização de seus desígnios tonais. O tônico já possuímos em nossas reservas de fé e generosidade que nos ligarão espiritualmente a uma era equânime para todos.

6. O Brasil enquanto nação livre, protagonista  de tantos gestos heroicos no passado não pode hoje correr o risco de  dormir ' sem acreditar em sua própria grandeza'.( Exuperry) E grandeza entende-se uma retidão  de princípios  a toda a prova e uma disposição de pensar o tudo em todos.

7. Discursos, palavras empoadas, promessas já não valem mais. O  que está em pauta é afagar a alma da nação brasileira e 207  milhões  de seus filhos dizerem em conjunto: podemos e queremos!

8. Sim, gente sensata o  importante  de  tudo  isto  é  não  deixar  extinguir a chama da esperança, desejar o advento promissor da terra prometida '... .' E sem bobeira, mas na inteligência calma, amparado na constituição e leis  vigentes  trabalhar  de fato para  depois de direito exigir rumos  novos  de  folga livre e gosto pensado  para a maioria   cordata   que  compõe  os  espaços  de   um  país lindo  e maravilhoso chamado Brasil.

9. O primordial na vida brasileira é cessar de vez esta tremenda versatilidade do consumo descartável e deixar florescer o ser pelo ser em toda a abrangência de sua potencia criadora e abandonar este faz de conta de lado, procurar em tudo a justiça, a paz social e o verdadeiro progresso, aquele que beneficia todos, e não este arremedo populista  em voga.

               Oração

a. Oh! Deus, ínfimos somos ao seu olhar, mas mesmo assim  ousamos pedir uma monção urgente para o Brasil, que se cumpra ao seu beneplácito o que prometestes bem baixinho aos ouvidos do Santo de Anchieta, à Frei Galvão,  ao Prof. Plinio Correa de Oliveira, e a tantos outros  heróis da verdadeira brasilidade, lembra-se?
b.- ' Tive fome e me destes de comer, sede e me destes de beber, estava nu e me vestistes, peregrino e me acolhestes.' Pai de bondade pelas mãos de Nossa Senhora Aparecida será que não sobejou um pouco daquela água viva da Samaritana? A quem iremos, fomos traídos pelo desgoverno geral que lastra em nossa pátria, pelo laicismo, pela descrença e total ausência de ligação espiritual de um povo que amastes in fieri.
2. Sabemos que sim, sim, sim,  pai de misericórdia. Então poetas, esquecidos sem voz e vez, preteridos do sistema  aguardamos a sua hora, e com Maria solicitamos a antecipação, por favor!
3. Dispões, pai justo de anjos alados; náufragos fazemos água, e que tal abreviar para nós brasileiros o tempo da provação, e que nossos ouvidos cansados e decepcionados com esta situação caótica, ouçam aquelas sublimes e proféticas palavras: ' Fazei tudo o que Ele vos disser!' 
4. Temos bem presente que com 3 pães e poucos peixes fizeste o milagre da multiplicação, achamos que não seria muito pedir outro tanto para estes 207 milhões de corações inquietos, quase descobertos de fé e razão. Amém!
Helder Tadeu Chaia Alvim
Postar um comentário