segunda-feira, 30 de maio de 2011

Google na era quântica dos smartphones androids

1. Sem possuir o tino visionário de Raul Seixas, este poeta mínimo também esta noite teve um sonho de poeta mirador e o Google soberano tava lá... na era lightiana e asusiana...

2.Na hipótese de existir vidas em outras galáxias,eu vi que o buscador de sondagem do Google tava lá na esfera inter espacial com seus recursos criptografados emitindo sem cEssar mensagens subliminares de paz...

3.E não era para menos Ele se  adiantou  anos  luz,vigoroso,criativo, interativo, encontrando soluções sistematizadas sem perder sua essência humana e solidária como nenhuma outra ao longo destes 13 profícuos anos de sua existência.

4.O Sol  no  céu  googleano  não  tem ocaso, mas estatela o
apogeu em um continuado zênite de inovações acima do universo on line, abarca os 4 cantos do mundo e causa assombro em uns e admiração na maior parte dos internautas perigeanos.

5.Em sua sêde benéfica e constante  de inovações Ele avança seguindo metas arrojadas, dispõe de uma equipe de funcionários altamente competentes, de engenheiros altamente abalizados e capacitados que juntamente com seus idealizadores são a riqueza, o impulso e a promissão de dias ainda mais portentosos, plugados que estão nos grandes desafios da era cibernética do século XXI.

6.Ele tem mapas, Links, Smartphones Androids, Google Walet, Calendar,Ad Words, Ad Sense,Reads,Apls, Chrome, Blogs, Labs e uma infinidade sem fim de ferramentas de última geração da era da alta definição dos nióbios nanotécnicos.

7.Se você se dispõe a acompanhar sua trajetória na internet e utilizar-se de suas facilidades, prepare um fôlego de gato.

8. O Google está inserido na mídia eletrônica e a mídia esta nela comemorando mais de uma década de casamento feliz e perfeito e se solidifica na abstração e consecução de idéias novas, inéditas, originais e autênticas.

9. A família  dos blogueiros solidários agradece e deseja vida longa ao Google soberano. Onlinemente ele encontrou aquela alavanca hidrostática  (P = pot + pgh)  que tanto Arquimedes, o sábio matemático grego procurara em vão. O Google desenvolveu o empuxo certo e está levantando o mundo para outras dimensões.

10. Por isso meu amigo on line prepare-se pois você está adentrando com o Google definitivamente na era da comunicação simultânea e surreal.

11. Ao encerrar a presente opinação uma sensação de alívio vem ao meu encontro, indefinida, ela veio, transpondo walets e montes. Há muito tempo pretendia falar o que falei, declamar o que postei na meta arrojada de alcançar o 365 versos mimados, objetos da interação deste mínimo poeta.

12.Exageros de linguagem, dirá alguém ao ler o que escrevi,liberdade de expressão,outro pondera, poeta das mil tintas,das nuvens coloridas, aqueloutro assertiva. Tudo isto me anima.A  poesia, a inspiração pode tudo e ao mesmo tempo pode nada. Na verdade mesmo são versos da humildade que confessam ser fugazes os sons das letras.

13. A menos que reflitam no caso pensado a lon G evidade, a perenidade pr O cedente, a substância env O  lvente, a essência ratificante,traduzindo a L egre o mundo bom
E xatamente. A gratidão flor sublime manda dizer: obrigado Google por você ser assim.

Abraços de amizade

Helder Tadeu Chaia Alvim
Poeta Minimalista
Postar um comentário