quarta-feira, 6 de outubro de 2010

Coadjuvando a realidade politica brasileira...

1. Bom, é meu dever opinar na condição de poeta mínimo e não estranhe, caro leitor pois na minha profissão ingrata das rimas soltas, desconhecida das massas, esquecida pelos meios de comunicação, do marketing político e demais opinações atuais.Elas falam conscientes ferindo as palavras na seriedade do momento, carregado de preocupações quando a democracia encontra-se relegada ao papel de coadjuvante morna e não atua no papel principal no palco da realidade brasileira.

2.Quem acessar este blog, verá uma opinião à parte da mídia discursiva, e poderá até dizer-me: -Mas, poeta das divas aleatorias, este discurso não cabe mais no amontoado de razões que o mundo prega, o universo está volante demais e estes pensamentos  já não se praticam mais. Tudo bem ou tudo mal, não sei ao certo!No entanto vejo que preciso concordar consigo novamente, vieram as eleições, a fatia do candidatos que ganhou está viajando para espairecer, a outra amargando a derrota, avaliando a não anuência do eleitor querido, e por outro lado a sua mea culpa sentida,um pouco atrasada, pela não frequência à  vida cotidiana. do cidadão brasileiro, cordato e sonhador por excelência.

3. Os quadros mudaram na política, temos caras novas empurradas pela campanha inteligente do marketing eleitoral, velhos caciques não conseguiram se eleger, outros ainda vão perdurar no poder. Tudo pareceu um jogo articulado, sendo que não saiu muto conforme o ensaiado. Teremos 2º turno para presidente, a ambientalista Marina se mostrpu consequente,  roubou a cena com categoria e inteligência e deu uma última chance ao brasileiro de mudar. Sua cultura é profunda como são seus conhecimentos a respeito da política, agradou ao eleitor e já vislumbra na voz de muitos para a próxima em 2014.

4. É pena que não tenha sido desta vez pois o planeta sustentável agradeceria... pois a senadora sustenta de fato posições meritórias,o direito sagrado à vida dos nascituros com tese forte, atos consequentes embasados na lei divina e natural, tem projetos que melhorarão a vida dos seus amados irmãos brasileiros .E muitos outros mais que fizeram jus a expressiva votação recebida.Muitos estão esperando sua manifestação de apoio para onde Marina Silva tender vai levar a vitória ao obsequiado.Seu  apoio e a influência de seu grande prestigio que arrancou dos outros dois canditados 20 milhões de votos vão decidir os destinos do Brasil por mais quatro anos. Quem vai levar esta, a canditada da situação ou Serra na oposição?

5. Decisão dificil, e se ela se abstiver e não apoiar ninguém? Realmente não sei, vamos aguardar sua decisão, acho que dificilmente ela apoiará a situação, pois foi justamente sua posição firme e serena que a guindou ao status privilegiado de defensora da nação.Ela ambientalista convicta aclamada e respeitada pela critica international conseguiu comover os brasileiros e já desponta naturalmente sua liderança incontestável. Trouxe para a política mais ternura, compreensão e as razões sinceras da mulher brasileira.

6. Quem se eleger precisa saber que o Brasil sempre foi o paladino do bem, da bondade e da solidariedade,e esperamos que o futuro detentor de nossos destinos possa preservar nossas conquistas democráticas... A nação é de todos e a gerência das coisas públicas é uma vocação legitimada por Jesus na galileia e a ele pertence o juizo das nações.

Helder Tadeu Chaia Alvim
Postar um comentário