terça-feira, 26 de janeiro de 2010

Sabedoria e Ciência juntas

1."Dá-me sabedoria e ciência para eu me haver com teu povo, porque quem poderá governar dignamente teu povo que é tão grande , senhor." Estas são as palavras inspiradas do rei Salomão, homem de obras e de valor perante Deus e o seu tempo.Salomão foi um verdadeiro estadista bíblico, condutor dos destinos dos hebreus e mais que isto um governante de primeira linha, sábio, inteligente e justo.Elevou o seu reino a um nível inigualável de bem estar e progresso, teve riquezas materiais mas seu foco foi o espiritual do grande Deus de Israel.

2.Entro no assunto do Haiti com dor e solidariedade. Este é o estado de espírito da terra toda em face das calamidades que se abateram nesta nação, minorada pela ajuda humanitária que foi chegando de toda a parte.Fora disto tudo seria doravante conversa vazia.

3. Aconteceu o terremoto que varreu Porto Príncipe (7 graus de magnitude) E o Brasil estava lá desde 1992, convivendo com o dia a dia da nação haitiana. Os nossos militares e civis conhecem bem a dura realidade que não preciso me alongar na descrição. Muitos dos nossos irmão brasileiros foram vitimados na catastrófe,deram
o sangue no holocausto e este não será em vão.

4. Esperamos que o país renasça com inteligência e sabedoria e reconstrua uma nova nação baseada na prece de Salomão, se torne grande nas virtudes espirituais. Causas naturais ocasionaram o epicentro da tragédia, e deste caos instalado prevalecerá a solidariedade, a coesão em torno da reconstrução almejada sem os holofotes, nos adiantamos e não vamos arredar o pé até que tudo volta à normalidade.

5. Hoje em dia o chamado da humanidade é mais para elevação e oração. Com toda a tecnologia moderna somos pegos a toda hora de calças curtas. E acho que o fato de brasileiros já estarem lá muito antes dos ultimos acontecimentos funestos que o mundo lamentou é um sinal que a causa haitiana vencerá as barreiras quase intrans poníveis da falta de tudo e se erguerá baseada na esperança de dias melhores e que tanta dor diante do artífice do universo não terá sido em vão.

Helder Tadeu Chaia Alvim
Postar um comentário