sexta-feira, 28 de novembro de 2008

Embu das Artes,Terra

1.Embu das Artes, Terra encerra o canto melancólico da tarde, o silvo dos ventos espera, impetuosa,a aura da manhã contempla, auspiciosa,à noite guarda o ente silencio,ao dia desabrocha na fluência de mil murmúrios,dos Jesuítas devota os primórdios da eloqüência,ao povo, legado colosso,a missão solene e o decoro,de seus casarios a visão do antigo, o sublime, o novo contido.

Embu das Artes, Terra que estreita laços, amplia espaços de perfeita simetria,o artesanato de qualidade, as galerias de Arte, os antiquários,a culinária e suas peculiaridades,as benfeitorias coloniais por toda a parte,os expositores conscientes, artesãos experientes,a arte e seus múltiplos fatores conjugam o verbo, agregam valores,difundem sabores de deuses honores.


Embu das Artes, Terra das múltiplas possibilidades, sólidas variedades tem a feirinha tradicional no centro velho aos domingos, sábados e feriados e a dos hortigranjeiros, belo achado,tem industrias pujantes gerando o progresso impulsionando o lavor correto o ano inteiro, tem na Yazbek a Belas Artes, panificadora e confeitaria simpática a galera, excelente a mercadoria e tantos outros emolumentos, shows á parte,conferem à cidade um tom pitoresco, proporcionam um agradável aconchego.


Embu da Artes, Terra da estrada velha de Itapecerica, hoje Elias movimentada, abriga comercio pujante, lojas do Rústico estabelecidas, dão um ar westernn na madeira enobrecida. Um pouquinho antes na rodovia a Aba também é nossa concessionária famosa, com ofertas de perder o fôlego. Vá lá, na Motors, meu sogro, e saia no conforto. Arte Baby decorita é a nossa favorita, Treze Paulista, excelencia e referencia em logistica.


Embu das Artes,Terra de Indeca Chocolate, de competência no dote estampa a bandeira brasileira com orgulho no alto do seu contraforte,cacau e derivados à beça, produtos de suporte, academia Giovanna, vai levar você em forma, merece esta fama,confira a Peperoni, pizza saborosa de tomatto até no nome. Em decoração, gramas tulipas, girassóis e afins W. L. Furlan , especialista no assunto, um sem numero de variadas flores, gramas São Carlo e Esmeralda, faça a lista e confira os fatores,B.B.B, bacana, veste a família no dia a dia ,marca de grife para aquela ocasião, com preço que não se resiste jaquetas, vestidos, camisas, bonés, blusas, camisetas e mais itens chiques. Farmácia dos Jesuítas , cuida de sua saúde, amiúde. Talismã veículos, fica incluído na rota.Giovanella transportando sobre rodas, segurança denota. Sabesp, está presente no municipio investindo em tecnologia oferecendo serviços de categoria. Eletropaulo, fôrça e luz de alto gabarito, ambas merecem elogios, eu digo.


Embu das Artes, Terra de Embuema sempre em cena, produtos que vale à pena em matéria de construção,  eles tem a solução.Lopes Supermercados, um grande e importante conglomerado,dista poucos passos da Ripasa celulose, onde você passa e se depara com papel reciclado e bem acabado, poupa árvores, preserva o ambiente, valoriza o fator ambiental, prioriza o humano-social.Lojas de puff, ufa estão em toda a parte, coloridos adorno no Loft, na sala de canto, na casa de campo, um requisito.Odak, antenado com a comunicação, pode confiar na sua automatização,Incubadora de Cooperativas, casa do Artesão, essa idéia inovadora, promete reais perspectivas. deixe seu carro em casa, meu praça, vá de táxi ou lotação. Imobiliaria Meta, acerta na escolha , imoveis bem situados, vale a pena ver a folha Plinio Imoveis, atende com simpatia e capacidade passe lá no Café do Ponto que ele lhe dá a dica. Policias Civil e Mlitar 24 horas no ar, é só ligar.

Embu das Artes, Terra dos Espaços Culturais em voga com exposições permanentes, publico cativo, excelentes motivos para frequentar.Chaparral- sinônimo de saraus lítero-musicais,a galera entende, a literatura flui correntemente.Casa de Cultura Sta Teresa, à frente AnivaldoFerreira, têmpera de ator, tempera com aquela dose de calor humano atividades sensacionais a todo vapor. Danças folclóricas, que riqueza encerra,Banda Sinfonica Municipal, muitos talentos desperta, Coral das Artes, conjunto perfeito de vozes afinadas que contagia no todo e em parte, Enduros,Clube do Fusca,Pousadas, Hotel Rancho Silvestre, Cavaleiros em Romaria,na estrada da Ressaca a Cidade laboriosa da Abelhas, ateliers de Pintura, Praça da Lagoa de eventos programados, manancias, o verde caracteridtico, Sakai redivivo.Parque Francisco Rizzo, ampla área ecologica , abriga patos, peixes, corujas e quero-queros. Lá tem também a algazarra sadia da criançada, cursos,experimentos,agenda cheia , convivencias e reciclagens.


Embu das Artes,Terra Não posso me esquecer de Cassio M’Boy, valoroso propulsor, grande incentivador das artes, quando tudo começou, tarimbado escultor deu forma à Ícone de S. Lázaro, relíquia historico-jesuítica, é um marco. Eis a cidade da harmonia na diversidade e de tantos tesouros revelados!E seus bairros que na maioria possuem nomes de santos, parece até que o céu encontra-se despovoado deles, pois aqui encontramos São Marcos, Santa Teresa, Santa Luzia, nomes pitorescos como: Pinheirinho, Vista Alegre,Engenho Velho,Vazame,Cercado Grande, Silvia, onde habitam gente trabalhadora e atenciosa.


Embu das Artes, Terra de Wizard, nome conceituado, alunos valorizados sonho plasmado, inteiramente concretizado franquias à mancheis espalhadas, o Mago nunca será superado. Greenmark:carnes maturadas sabor e qualidades apurados.Interlub, em matéria de lubrificantes, a firma supre. Larama, Amaral derrama sua simpatia, experiência pioneira e comprovada. Trem Mineiro, moveis, exposições e vendas a preço bem maneiro. Casa de carnes Leli, pronto atendimento, churrasquinho no ponto, carnes bovinas, suínas e muito mais, logo ao lado Farma Cercado Grande, de experiência comprovada, totalmente remodelada, é o não falta é táxi na porta.Locadora Porto dos Filmes, também merece nota.Cercadão Supermercados, ofertas de perder o folego de janeiro a janeiro.


Embu das Artes, Terra da Veterinaria especializada.Eles já deixaram sua marca:Dr. Felipe, Dr. Erik e equipes cuidam da saude animal com dedicaçaõ, experiencia e competencia veteranos na vocação. É fato , sem alarde, cães e gatos abandonados recebem deles aconchego,cuidados e abrigo para seus olhares cansados.E não vamos parar por aqui, é mister documentar Viação Miracatiba, empresa séria, equipe reunida, aquele abraço – motoristas e cobradores atenciosos,conscenciosos de sua direção, valeu empresa padrão um pouquinho mais de ônibus no rush seria o mush. A Casa o Caipirão ,referencia no gênero,oh! trem bão, diversão é o que não falta, ídolos presentes em ritmo quente aquece o feriadão,assuma, meu capa esta curtição!


Embu das Artes, Terra ao visitá-la não se apoquente são centenas de barracas,no centrinho movimentado aos domingos sabados e feriados.Outrora o encontro para exposição dos trabalhos dos Hyppies que os artistas da terra tão generosamente impulsionaram, lá você encontra de tudo, bijuterias graciosas trabalho em barro, papel machê bem elaborado, tem Chaplin em bola de gude outros variados artefatos.Celeiro de idéias, de fato artistas natos Antes, passe no Ipiranga, abasteça o movimento,dê uma olhadela na loja de conveniência e saia de carro lavado,pneu reparado e com aquele atendimento personalizado.Alvorada, amplo restaurante, faculta aos clientes aquele bom acepipe, diversifica, intensiva as comemorações. Também, Prato Cheio na rodovia é referencia em gastronomia. E prossigamos nas citações...


Embu das Artes, Terra de Nova Era, dois endereços, categoria, estilo e classe, escolha o filme de seu apreço: Cult, ação, suspense, nem pense duas vezes, viaje no tempo com grande elenco.E mais: tres pontos de Táxis, da Praça, do Lopes e Cercado Grande. Você cliente amigo é o maioral, solicite a corrida e o táxi está na porta com pontualidade e disciplina.Tecnoluz, acenda esta ideia, sem pressa uma consulta seria.Etrusca, de confiança, carro novo na mão , curta com a familia real emoção.Casa Amarela, RCK, sejam ben-vindos, puxa que inovação!APM Lubrificantes e combustivel, dê uma passada lá, seu carro vai comemorar a renovação Institutos educacionais,entre outros:Focus, bem em foco na gramática, Tia Leda, presteza no ensino, Nova Arca, abarca extenso conhecimento.

Embu das Artes, Terra das pedras preciosas, trazidas da era barroca,bom gosto que traduzem-se em glamour,aquecem o bom humor, transmitem energias de muito valor.Dê uma passadinha no stand da Gi que é logo ali, e também tem lojas estabelecidas onde se oferecem diversidades estonteantes, a gente entra nelas e muda de semblante, viaja no antigo, rococó e muito mais adiante.tem serestas regionais ao ar livre, ótimos restaurantes,mpb em fá maior, os músicos do violino, os do chapéu não falta o arrimo,tem cigana que lê a mão pleiteando o dom da sorte.


Embu das Artes, Terra dos tapetes de bom corte, acabamento nobre,requinte fino semelhante á São Jorge e os sorvetes artesanais, alegria da criançada,doces típicos, bolos e trufas delicias da moçada apetitosos salgados, quitutes ao sabor.A barraca dos "meninos", hoje rapazes solidários trazem as iguarias do divino pão caseiro primor de culinária da família Del Nero  de Pai para Filho o segredo do sucesso já faz parte da Embu centenária, eu espero.


Embu das Artes, Terra das indumentárias ao vestuário, roupas em linho, rendas e chita,clássico, indiano e moderno, tem a Reserva natural que veste com bom caimentorefere-se à natureza com detalhes de quinta grandeza.Tem a fonte dos Jesuítas, totalmente remodelada,Mata Atlântica, de água cristalina, um recanto saudável.Tem a Embook Livraria outro nome conceituado, de acervo variado,lá o mundo do saber encontra-se bem representado.Ao velho Garimpo minhas benemerências, ciente de sua postura séria que impulsiona as belas artes, premia a criatividade.Eis um Mecenas da atualidade!


Embu das Artes, Terra amiga e solidária com Geraldo Cruz na prefeitura Gonda na secretária de Cultura, vereança presente a Guarda Municipal, que exerce a cidadania,a satisfação de todos com nosso escudo e guia. Outro assunto auferido é sobre a obtenção de uma rodoviária proporcionando aos visitantes e habitantes o que outrora fora requeridoque este apelo encontre boa acolhida junto aos poderes constituídos, pois respeito o sufrágio estabelecido.Já construíram a maternidade, belo achado que louvo e falo.Rreconhecer as benfeitorias ao povo justo e ordeiro não pode passar batido, volto a escrever tão logo o projeto seja exequido.


Embu das Artes, Terra entusiata e polida, bem servida de Escolas Estaduais e Municipais,creches e institutos beneficentes corpo docente de primeira linha.Ensinam com dedicaçao, entusiasmo e devoção dando o melhor de si, imbuidos de abnegação,tangem a lousa na fisica, aritimetica e geografia. Ousam ao longe historia, humanas e a gramatica pura. A Eles, os mestres com ternura filal,tutores da hegemonia, rendemos respeito, torcemos pelo seu pleno exito, pois sem Eles o universo seria um deserto de feitos, uma nação sem alma, dilemas a nossa volta, equação nula de teoremas. Que vivam os mestres! de seus alunos a messe é ampla.Não faço parte da política, não tenho partido ou entrevista,ambiciono que o bem comum seja o primeiro na lista.Exerço o direito sagrado do livre pensamento,torço pela democracia e uma Universidade em muito facultaria o máximo proveito desta importante sesmaria.Aos guardadores de carros citação à parte monitoram as idas e vindas com esforço descomunal,lá estão eles com simpatia e respeito,solícitos nas ruas e praças, ladeiras e avenidas.Valeu, amigos tanta cortesia, um abraço ao parente,Sr. Sílvio da padaria e ao Adão de Glória Maria.


Embu das Artes, Terra de povo batalhador, ciente do compromisso que assume suas vidas, cuidando da família por sua conta e risco.Nós o vemos na construção, nas escolas, industrias e comercio,nos volantes da condução,conduzem seu destino com muita força e disposição,merecem meu respeito e um abraço de união.Aos garis da prefeitura que cuidam da cidade com muita desenvoltura um alô de gratidão. Cabe a nós darmos uma forcinha, lixo na cesta e nos posicionaremos bem na fita, a automobilística bem ajustada cessaria de ser nula de equação e à camada de ozônio traria acertada solução.


Embu das Artes, Terra de Aurino, pedra principal que Deus levou não cansarei de repetir nestes versos soltos elegias diversas à sua memória que fundamenta-se em ouro e gloria nesse arrebol.


Embu das Artes, Terra de Solano Trindade recordações merecidas por toda a parte saudações imorredouras, pois aqui tu fincaste o estandarte luzidio da Afrobrasilidade.


Embu das Artes, Terra de Raquel, mulher forte que conduz o leme luzidio do idealismo a tocha pura do lirismo ritos sagrados herdadas dos ancestrais revive com galhardia a ti louros devidos, créditos adquiridos na galeria dos imortais.

Embu das artes, Terra quem não viu que venha ver a beleza desta jóia, se você é sanfoneiro,empresário ou engenheiro. Cante no ritmo alegre, persiga o destino célere e faça do humano a verve do ensaio a tese, do comparsa , conselheiro. Peço passagem ao parceiro Caçapava percussionista parrceiroCaçapava percussionista para prosseguir em ritmo aceso,escrevendo de bom grado estes versos livres, tentando desvendar o que a inspiração permite.


Embu das Artes, Terra Iluminada,eternizada pele arte autêntica, depositaria fiel de recordações,signataria de decisões, palco de antigos feitos,lar abençoado de gerações de artistas perfeitos.Cidade poema, envolvente, enlevada por suave brisa que brilha ao roçar dos silvo dos ventos.E na condição de aprendiz, impulsionado por estranha força motriz, nas idas e vindas que um certo arcano quiz, pretendo persistir na trilha correta, expondo minha modesta partitura, sinalizando aos amigos de ventura, o quanto o brilho desta cidade me ofusca e seduz. Prosseguirei atento, tentando pousar sob instrumento, já se faz tarde e a fugacidade da vida escasseia o provimento.


Embu das Artes, Terra de Marcel Barreto, amigo talentoso, de carácter correto,jovem de grande valor, Bacharel em Música, é o certo! promissor pianista, de dom inigualável, afável no trato, de fato merece esta trova, pois canto as reservas promissoras da Terra que se consagrou desde priscas eras, a Mãe das Artes!

Embu das Artes, Terra do excelente jornal: "Embu Digital" que leva informação em tempo real com qualidade e competência, gente abalizada sob a direção de Marcelo, sabem o que fazem com certeza. Na era online "Embu Digital" aprimora conhecimentos e realiza com grandeza seu intento.

Embu das Artes, Terra de eternas ‘vernissages’ dom, graça e leveza juntos na praça, ruas e vielas cada uma a seu modo revelando a alma do artista mãos mágicas que esparramam melodias em telas que modelam a argila e a pedra escupem na madeira a beleza de uma era.


Embu das Artes, Terra Se você,amigo for igual a mim, deixe apresentar-me Helder de Palma que gosta do improviso, tem um pouco de juízo visite Embu com calma, olhe tudo á volta e depois dirá o  quanto vale a pena leve um souvenir de lembrança um símbolo ou emblema uma coisa e certa por mais longe que vá esta bela dama vai consigo sem dramas te abençoar,e ao roçar dos silvos dos ventos um dia você vai voltar...


Embu das Artes,Terra lendária e sinuosa hospitaleira e charmosa eleita do Rosário, Patrona à sua gente amada proporciona manto protetor e em seu louvor cantam sua glória, cultivam viva sua religiosa memória Embu das Artes, Terra empírica, misteriosa
cigana conscenciosa ,intuitiva senhora não estremece nem tão pouco esmorece sempre em prece, uma intenção a outra a cada dia supera e confiante espera que a cada um de seus filhos seja outorgado a proteção.


Embu das Artes, Terra remonta ao passado iluminado,rende respeito, guarda segredos,reporta-se a conceitos de memória alternada.Não sei o que acontece, a gente chega ,um sorriso amigo colhe,identifica-se, ramifica-se,uma lufada de imponderáveis, outras histórias,lendas memoráveis, um tanto contumazes pairam no ar.


Embu das Artes, Terra do imaginário que aguça a curiosidade dedico este versículo a tratar de um tema conflitante se me dão licença pretendo ir adiante a dúvida seria, passar batido, não entender o acontecido ou guardar o que senti, falar o que ouvi de Windsor derivar o pressentido, declinar o convite amigo não reza na minha cartilha, não faz parte de minha cantiga começo a falar agora, embora a hora passe e não possa mais olvidar a questão, estender a demora, seria falta de opinião.


Embu das Artes, Terra do espontâneo sorriso um aviso é importante não está documentado o que segue adiante, apenas fragmentos ou citação concomitante de pessoas abalizadas a tradição falada é aceita na atualidade tanto quanto a escrita ou revelada. escrever o que foi dito, entender o que foi lido,me enche de interrogação.Vim de muito longe, o acaso me induziu e hoje desfio o rosário me calo, me valho da inspiração, confesso, os contrários se identificam, a poesia se afina no verso, e tudo carece de inspiração ou não?!


Embu das Artes, Terra da mata virgem, dos ipês em esplendor das ladeiras centenárias, da capela de S. Lázaro do cemitério que guarda a memória sagrada dos que se foram , das trilhas e esquilos roedores, dos sapinhos encantadores,de lagoas, cachoeiras e rios ,de historias medonhas que povoam entre risos, a taciturna loquacidade e empolga o recital.


Embu das Artes, Terra bem ali, perto da capital, tão distante e consoante de M’Boy Mirim, berço dos Silvícolas, eles merecem memorial erguido, reparação devida dos erros da invitia aguerrida.fatos de cunho forte, desmandos de gente nobre da outrora corte do ouro e cobre.M’Boy Mirim, incógnita dos nativos laços acobertados, índios subjugados página triste, merece redenção águas avermelhadas, clamam perseguem um clima de mistério em ebulição


Embu das Artes, Terra dos belos arranjos sinfônicos de Assis dos anjos, quis a sina que das artes passasse ao artífice, hoje em outro âmbito peregrina e em sua embaixada cristalina se apresenta ao Poder Maior,patentes requeridas se adianta e saliente alcança o dom da aliança,o fim de sua proposta analógica se afiança parte esta figura preclara revestido do manto rubro e com a sensação exata do resgate do consciente coletivo finalmente o grito do tempo acorda o ente silencio.


Embu das Artes,Terra das flores damas da noite de efêmera duração, tão perfumosas embora chorosas das palmeiras jovenzitas que estão lado a lado com o mandacaru tão longe distam dos tropeiros de então tão perto que se avista o Cercadão das ofertas não são imperiais, mas nem por isso deixam de ter um ar aristocrata também pudera todos os dias alegram-se com a visita de três ilustres aios em festa.


Embu das Artes, Terra inserida totalmente no concerto das nações sai na frente,se adianta no termo do consenso e institui um importante feriado municipal lembrado com orgulho da raça -dia Vinte determina seja observado em toda a comarca, divulgado em massa o entrelaçe dos povos, "Consciencia Negra", belo gesto digno de um povo honesto que reconhece a igualdade de condições.A Santa Aparecida, pescada com candor no rio Paraiba, emociona a gente, tange a fibra adormecida, torna patente a vontade divina em Brasilia Terra Nostra, seja acordado a harmonia, a paz e a concordia, base de toda a moderna democracia Somos todos irmãos, independe da escala social unidos num grande abraço: todos, olhos puxados, amarelos,brancos,cafusos, peles-vermelha,e a bela raça negra.


Embu das Artes, Terra das tardes ensolaradas, dos poetas e artistas que nunca a perdem de vista, dela por mais que falemos ainda muito se tem o que discorrer...Festas religiosas, do Cruzeiro, Natal, Corphus Cristhi, ruas engalanadas, tapetes esplendidos, Semana Santa, a paixão de Cristo encenada, personagens encarnando o triunfo de Cristo em madeiro revelado e um sem fim de coisas acontecendo onde a nota dominante é o bom senso e cordialidade Limitrofe da Capital, São Paulo,Taboão e Itapecerica da Serra, Juquitiba, cidades vizinhas , desempenhando juntas papel preponderante com larguezas de horizontes na Terra Brasilis. Embuenses a vocês eu digo: só me resta ao empíreo invocar um pedido no sentido que o Perene seja sempre nesta cidade o presente no antigo de um futuro com a grande Arte comprometido. Quisera dar-lhes menção honrosa, não tenho as prerrogativas, a não ser esta humilde iniciativa soprada pelo silvo dos ventos, roubada à aura da manhã, ditada pela voz do coração , repassada pela conhecida emoção.

Epílogo:



a) Vai dedicado com ternura à duas Marias, raras criaturas, que se afiguram quais pérolas preciosas de imenso valor, objeto único da pena deste humilde autor que teima sempre em plasmar idéias,concatenar idílios ultrapassando empecilhos sonhados sobre trilhos de aspectos multicolores. Assim o cismado se realiza, a baliza se concretiza, a ênfase personifica as dores rejuvenescidas e pontifica as reviravoltas embevecidas.


b) O elemento terra se purifica, o fogo aquece o ar preconizando chamas, vivificando dramas antes adormecidos. Assim dessa maneira finalizo o anseio, agradecido à Deus, autor da vida e aos amáveis leitores desta missiva publicada neste Blog , que a Google tão bem disponibiliza.Fica registrado a intenção de levantar o véu da perpétua mutação. Reconhecer o lamento vivido,engrandece nossa geração, tão ávida, tão lúcida, inteiramente compatível com a tão buscada felicidade de situação.


c) À Antiga M'Boy Mirimo o talento devido ,À Embu atual que se chama Arte, os encômios merecidos,Com sua convivência aprendi o tempo todo que a tolerância é uma virtude que dignifica o ser humano, pacifíca os ânimos com riqueza e graça, é mãe soberana e enlaça todas as raças.


d) Companheiros de estrada, perdoem-me de antemão se foram não exatas as palavras adjetivadas, se errei em alguma conjunção, se sílabas trocadas subtraíram as frases erradas ao texto em questão, do pouco que conheço e mereci o que estabeleço será bem-vinda toda e qualquer dissertação. A sua opinião ou crítica, amigo, será de muita valia e ajudará em muito este despretencioso hinário em construção.


e) Se emboladas substantivadas em vão declamadas desaperceberam o intuito evocado, desconsiderem de imediato e caso encerrado, favas abstratas jamais serão somadas.Loas finalizadas, sinalizadas as vias, votos sejam feitos para que não desfaleça a confiança em mim depositada. Assim sendo que a brisa matutina revogue causas pétreas, desarme termos correlatos e divulgue temas abalizados, abafe movimentos impensados pois não quero ser mal interpretado.


f) Termino este simples relato onde deixo mapeados alguns pontos da Iazbek, suas imediações e o centro histórico contemplados nesta recente criação. Queria ressaltar que o presente trabalho,dado o seu caráter interativo encontra-seem construção, outras citações merecerão registro em futura publicação, se houver consenso, é claro!
Deixo ao leitor a avaliação final, se fui exato, digamos que seria muito gratificante, se por ignorância houve omissão, lamento. O meu único intento foi engrandecer Embu das Artes,Terra sob o signo da Poesia! "Bem aventurados os mansos de coração, porque possuirão a Terra!"


g) Andarilho sem destino vou levar á algum lugar a gratidão por onde passe, pois se o poeta mínimo é cantador, canta as glórias, canta as mágoas, cantará sempre a ti Embu, mil louvores.Aos pés do Cruzeiro deposito puras aspirações,À Nossa Senhora do Rosário ofereço estes versos do coração.


Peço vênia estou partindo, nunca me eximindo de registrar alguns nomes:Primeiro, Luís Mineiro, Valter Fantim, Sílvio e Daniel Celano, Chico Miquita, Chapéu de Couro, Alves, Timóteo, Mário, Dna. Iolanda, Isolina, Toninho, Caio, Alho de Minas, Sr. José da Fonte entre outros. Sílvia, Nando, Giovanna, Jas, Bruno,Nino e Lala. Sem esquecer Paina, Rapôsa Magra, a Garça da ponte, Boninho,Thorquato e por último o Bode Xenofontes. Um dia, quem sabe, poderei dizer-lhes, graças a vocês consegui publicar o que este poeta mais gosta: Embu das Artes, Terra - Sob o Signo da Poesia! Finalmente amigos vencemos a aposta!!!Helder Tadeu Chaia Alvim
Postar um comentário